Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Imprensa > Notícias > Inscrições para Seminário de Energia Fotovoltaica seguem até o próximo dia 15
Início do conteúdo da página

Inscrições para Seminário de Energia Fotovoltaica seguem até o próximo dia 15

Publicado: Quarta, 12 de Fevereiro de 2020, 12h46 | Última atualização em Quarta, 12 de Fevereiro de 2020, 12h52

 

 

Evento é gratuito e visa à identificação de alternativas viáveis que promovam a sustentabilidade dos negócios e fomentem a economia

 Empresários e produtores interessados em participar do 1º Seminário de Energia Solar Fotovoltaica de Barra Mansa têm até o próximo dia 15 para se inscreverem, através do telefone (24) 2106-1077. O evento, que acontece às 18 horas, no dia 17 de fevereiro, é uma realização da Aciap-BM (Associação Comercial, Industrial, Agropastoril e Prestadora de Serviços e da Prefeitura do município.

O seminário terá a participação do deputado federal Luiz Antônio Corrêa, que integra a Comissão para o Novo Código Brasileiro de Energia Elétrica, e do secretário municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Vinícius Azevedo.

Estão programadas para o seminário palestras com os diretores da Alphatechsolar Carlos Eduardo Faria e Richard Guedes; com o diretor da Goverde Energia Roberto Cavalieri e o diretor da Solarian Energy, Edgard Ferreira Franco.

O presidente da entidade, Bruno Paciello, disse que dados da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) apontam que a fonte mais utilizada pelos brasileiros para micro e mini geração distribuída de energia é a fotovoltaica. “São 82,6 micro e mini usinas espalhadas por todo o Brasil, com potência instalada de aproximadamente 870 megawatts. No Sul Fluminense, cidades como Valença, Vassouras e Barra do Piraí já possuem usinas solares em funcionamento. Barra Mansa tem um excelente nível de radiação solar. Assim sendo, acreditamos no crescimento deste setor, com novas oportunidades de negócios para produtores rurais, que podem implementar fazendas solares, e também para empresas da região, que podem ter acesso a energia limpa e mais acessível financeiramente”.

Segundo o vice-presidente da Aciap, Carlos Magno Gomes Araújo, a energia solar é uma forte tendência para resolver o problema energético no Brasil. “A Aciap-BM quer ajudar produtores e empresários a encontrarem soluções fotovoltaicas para seus negócios, identificando possíveis gargalos e alternativas viáveis que promovam a sustentabilidade dos negócios e fomentem a economia do país”, declarou.

Já o secretário de Meio Ambiente, Vinícius Azevedo, ressaltou que fomentar atividades de geração de energia limpa e renovável no município é uma das prioridades da Pasta. “Nosso foco é o desenvolvimento sustentável, que permite o crescimento social e econômico, sempre com a perspectiva da preservação ambiental. Há de se ressaltar os impactos trazidos com o uso da energia limpa e renovável, entre eles a redução da emissão de gás carbônico (CO2) e da emissão de gases do efeito estufa, além da diminuição dos custos com energia elétrica”, concluiu Vinícius.

registrado em:
Fim do conteúdo da página